Itens compartilhados de Juliano

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

No meu aniversário, o presente é pra você, leitor!

Pois é... Há séculos não escrevo nada por aqui... Já podem ter adivinhado que é falta de tempo...

(Acabei de ser interropido por um telefonema surpresa de "parabéns" da Brisa e do Gustavo, outros brasileiros "sofredores" que estão estudando em Daegu (outra cidade mais ao Sul do país). Obrigado aí gente, viu?^^ Vocês alegraram um pouquinho mais meu diazinho!^^)

Voltando ao assunto, estamos no meio de um grande projeto no meu laboratório e somos "guiados" por meu orientador oriental desorientado que não faz a mínima idéia nem de como começar o projeto em que ele se enfiou e só fica perguntando pra gente como é que as coisas estão andando, se já terminamos, e o que que falta... Não importa como seja feito, já que ele não faz idéia de como, mas tem que ser feito de alguma forma. (Entre parênteses devo dizer que só agora depois de duas "idéias", três agora, é que percebi que escrevi as dita cujas com acento. Pelo jeito vai demorar horrores pra me acostumar com essa nova ortografia...)

Além de não saber muito, ainda fica dando pitaco na forma como estamos fazendo. Esses dias, até meio que brigou com o Hyeonjo (nosso novo membro do laboratório) porque ele fez um site para nosso laboratório e o professor achou ruim porque não é bonitinho... Não importa o conteúdo, não importa o ato em si de fazer algo para facilitar nossa comunicação interna... como o estilo do site é "internacional" e não "coreano" (que é deveras complicado e feio na minha opinião), ele achou ruim e xingou o coitado do nosso amigo.

A propósito, esse Hyeonjo merece um capítulo à parte.

Ele é meu hyeong (형/兄), isto é, meu "irmão mais velho" (isso porque todas as relações interpessoais são baseadas em relações familiares), o que é uma raridade, já que eu quase sempre sou o mais velho e todo mundo me chama de hyeong. Isso já é legal pra mim^^ Ele acabou de defender seu doutorado no fim do ano passado e agora está dando aulas na graduação e participando do nosso laboratório como "consultor de assuntos aleatórios". Como ele participou na construção do "Dicionário Eletrônico Sejong da língua coreana", um projeto do governo que durou 10 anos e mobilizou diversas universidades, ele aprendeu a programar muito bem e é um ótimo lingüista (olha a trema aí...) no sentido amplo e estrito da palavra. Já viajou bastante e fala muitas línguas (russo, uzbeque, tcheco...), programa muito bem em Java, Python, Perl, Awk e etcéteras, e, ainda por cima, deu de querer aprender português comigo! E não é que ele está indo de vento em popa?! É um ótimo aluno! Eu falo meia palavra e ele aprende duas! (Que inveja!)

Bem, voltando ao assunto, ele é que está fazendo as vezes de orientador para nós, já que o orientador oficial é mais um desorientador... E já aprendi muita coisa com ele. Mesmo ele não sendo aquele que ensina tintim por tintim; ele é aquele que mostra o caminho e manda você caminhar com as próprias pernas, mas está sempre do lado pra explicar por onde eu tenho que pisar pra não escorregar e cair... O orientador oficial, no entanto, é daquele que fica sentado na cadeirinha macia dele e fala: "Ó! Tá vendo aquela trilhazinha ali no meio da floresta? É fácil! É só entrar lá e atravessar a floresta até chegar do outro lado." Mas não menciona nem quer saber dos rios e montanhas que tem pelo meio do caminho, ou se a gente vai cair na boca do jacaré ou no meio das piranhas... Na cabeça dele, é só atravessar a floresta, o que tiver lá no meio é problema nosso... (Que imagem mais ridícula... mas acho que dá pra entender mais ou menos o que quero dizer, né?) Se não fosse pelo Hyeonjo, a gente estaria só batendo cabeça até agora.

Além disso tudo, agora tenho um curso de Java aos sábados. Muito """divertido""" (ironia, viu?). Sair de casa às 9 da manhã com o dia, que começa às 8, ainda raiando, debaixo de 10 graus negativos, começar a aula às 10 da manhã, ficar ouvindo a professora falando blá-blá-blá durante 3 horas, sair pra almoçar, voltar e ouvir mais 3 horas de blá-blá-blá e voltar pra casa à noite, já que às 5:30 já tá escurecendo. Não que não seja de todo interessante, mas o fato é que é muita informação pra ser assimilada em 6 horas de aula... Podia muito bem ser duas vezes por semana, ainda mais que ninguém tem aula (teoricamente estamos de férias), com mais tempo de digestão de conhecimento... seria menos chato e menos cansativo. Mas não... fazer o quê, né? Güenta, coração!

Mas não posso ficar só reclamando. Não estou de todo ruim. Tenho meus programinhas pra fazer, faço, se não sei, corro atrás e vou me virando. Já aprendi muita coisa por aqui desde que cheguei. E (quase) tudo que aprendi foi na base do sevirômetro. Daqui pra frente agora, é pensar na minha tese de mestrado e de como vou fazer pra escrever isso. Só não posso contar muito com o meu desorientador... mais uma coisa que vou ter que me virar...

Além disso tudo, tem um monte de coisas que eu gostaria de escrever aqui no blogue, principalmente sobre o dia-a-dia de um brasileiro perdido na Coreia (agora sem acento de acordo com as novas regras). As coisas boas, as coisas estranhas, as coisas erradas, as coisas cômicas... Tem um monte de coisinhas que seriam divertidas... mas, só vou escrever se receber fidebeque (óia! um neologismo!) de vocês que estão aí do outro lado da tela! ok?

==Cantinho Cultural===
Só pra constar, devo dizer que meu café da manhã hoje foi especial.
Como é de praxe na manhã do aniversário, o aniversariante deve tomar miyeokkuk (미역국), uma sopa de alga para comemorar mais um ano de vida. E a frase "hoje comi miyeokkuk" é equivalente a "hoje é o meu aniversário".^^
===

Bem, um abraço pra quem fica.

Juliano

3 comentários:

Voyage disse...

Tá, um feedback simples: Larga mão de frescura e escreve de uma vez...

구스타보 disse...

aeeeeee
nem precisa falar "parabens" novamente, neh!?
Pelo jeito esse 형 caiu do ceu, hein! =P
Bom ouvir que pelo menos agora voce nao estah soh na escuridao desse mestrado! hehe.

Bem... se ainda tiver tempo pra respirar de vez em quando, escreva!
Vou tentar fazer o mesmo, mas os estudos de 한국어 estao me matando no momento (nao que eu seja um bom estudante, eh que tenho prova na quinta, mesmo! hahahaha!)..

ateh a vista!

Lissa Andrade disse...

Olá prezado!
Meu nome é Larissa, e tenho buscado informações sobre a Coréia e Japão, pois planejo meu mestrado de matemática nesses paises.
Acabei encontrando seu blog, que me deu ótimas informações, e estou realmente satisfeita em saber mais sobre a vida estudantil Coreana.
Estou me interessando cada vez mais em obter uma bolsa para esse país.
Agradeço as informações, e desejo muito manter maior contato :)

Atenciosamente, Larissa

Pesquisar em blogues de brasileiros na Coreia

Resultado da pesquisa